Tradutor

Jabuticaba

 
A jabuticaba é rica em várias substâncias importantes.
 Dentre elas, destacam-se as ANTOCIANIDINAS, que vêm 
sendo bastante estudadas. Elas pertencem à classe dos bioflavonóides, que conferem à fruta e às flores uma cor que varia do vermelho ao azul. 

Nas últimas duas décadas, diversos estudos e pesquisas demonstraram que as antocianidinas são, aproximadamente, 50 vezes mais potentes do que a vitamina E e 20 vezes mais em relação à vitamina C. Essas substâncias apresentam propriedades antioxidantes, capazes de reduzir e combater os radicais livres (inflamações, intoxicações, infarto do miocárdio, doenças degenerativas, câncer e envelhecimento).


 Benéficos das antocianidinas:

· protegem e estimulam a reparação dos tecidos ricos em colágeno e, consequentemente, previnem e combatem as rugas; 

· reduzem a produção do colesterol Total, LDL e os radicais livres; 

· melhoram a circulação sanguínea periférica; 

· restauram a funcionalidade dos capilares e fortalecem os vasos sanguíneos (prevenindo varizes, fragilidade capilar e derrames cerebrais; beneficiando, inclusive, os diabéticos); 

· protegem as células cerebrais (o que auxilia na melhora da memória); 

· melhoram as defesas imunológicas, a resistência física, a disposição, a elasticidade muscular e a visão;

· auxiliam na estabilização da taxa de açúcar no sangue; 

· apresentam propriedades anticancerígenas.

Além desse potente antioxidante, a jabuticaba ainda contém: ferro, fósforo, vitamina C e vitaminas do complexo B.

Cada 100 gramas de jabuticaba contém, aproximadamente, 45 calorias. São encontrados também: açúcares (frutose e sacarose) e ácidos orgânicos (cítrico e oxálico). Para cada grama de jabuticaba consumida estamos ingerindo cerca de 300 miligramas de antocianidinas. 

Mas, vale ressaltar que a substância antocianidina é encontrada, principalmente, na casca da jabuticaba. Portanto, quando for fazer o suco, por exemplo, bata no liquidificador a polpa e a casca juntas ou, quando for comer a fruta, coma ela por inteiro. Podemos utilizá-la também para a produção de geleias  visto que o calor da cocção não deteriora as propriedades que trazem os benefícios. 

Fonte:http://www.deboraflores.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário